loader image

Loja & Cafetaria Museu de Marinha
— desde 2014 —

Na ala oeste do Mosteiro dos Jerónimos encontramos um local que nos revela o que a navegação significa, na asserção mais antiga da palavra. Aqui, as águas que a memória imortalizada em artefactos convida a visitar, remetem-nos para outros tempos, de desafio às limitações humanas e das suas eventuais conquistas. O Museu de Marinha, esse lugar carregado de saudosismo português, localizado na freguesia de Santa Maria de Belém, dá-nos a conhecer aquela mescla de tristeza e saudade que só os marinheiros sabem explicar, mas que podemos vislumbrar graças ao rico espólio deste espaço.

Ao retrocedermos no tempo podemos constatar que já nos séculos XVI e XVII foram efetuados pela raínha D. Maria II, esforços de preservação da nossa vasta história marítima, observáveis nas peças mais antigas do museu. Foi, porém, o Rei D. Luís que deu voz a testemunhos de episódios relacionadas com a atividade marítima, com o decreto oficial de 22 de Julho de 1893 e que de outro modo se perderiam nos anais da história. A coleção recolhida permitiu a criação de um projeto museológico que a albergou, provisoriamente na escola naval em 1934. Em Agosto de 1962 o Museu de Marinha abriu oficialmente as suas portas e permanece um dos mais importantes e reconhecidos museus portugueses, recebendo anualmente 145.000 visitantes. O Museu conta também a faceta bélica marítima portuguesa - que faz invariavelmente parte das histórias dos mares e oceanos - através de uma vasta coleção de armas e fardamentos, instrumentos de navegação e cartas marítimas.

Presentemente, este espaço cultural tem uma preciosa parceria com a Mapa das Ideias. A empresa nasceu em 1999, fundada por Inês Câmara e Ana Fernambuco, tendo como foco a comunicação entre museus e os seus públicos e tem expandido a sua área de atuação para nichos de economia cultural e criativa.

O museu conta com uma exploração independente do espaço de cafetaria / loja e quando abriu um concurso público para procurar novos parceiros, a Mapa de Ideias candidatou-se imediatamente. Com uma dinâmica admirável desde 2014, conciliaram habilmente o merchandising do museu - livros, artefactos e ícones da nossa história naval - com as recordações para os visitantes e clientes que já fazem uso diário dos serviços de cafetaria. O seu catálogo e eficaz apresentação da história portuguesa constitui também um atrativo para parceiros institucionais e têm ainda parcerias com agências turísticas, organizando pequenos almoços para grupos que não resistem, entre outras coisas, a provar o bolo de cenoura e gengibre, inspirado nos cruzamentos gastronómicos dos Descobrimentos.

De salientar que o espaço de loja / cafetaria não requer ingresso no museu e recebe, por conseguinte, uma clientela mais diversificada. O local é amplo, contando com 60 lugares internos e 60 externos, que albergam comodamente as viagens de estudo para os mais jovens, assim como grupos diversificados que anseiam saber mais sobre a história naval portuguesa.

A Mapa de ideias conseguiu uma sinergia perfeita com o Museu de Marinha, ao aliar um aspeto pragmático e de comodidade a um espaço que relata um dos maiores ethos da cultura portuguesa.
Venha descobri-lo!  
Loja & Cafetaria do Museu de Marinha

 

2018-08-22T16:21:49+00:00